____________________________________________________________________________________________

____________________________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________________________________________

quinta-feira, 4 de maio de 2017

"O Senhor ouviu as nossas orações"

Os cristãos etíopes acusados por incendiar uma igreja, agora estão livres da prisão e também da multa que teriam que pagar
04-etiopia-homem-andando
Em fevereiro, informamos sobre a libertação de três cristãos etíopes que foram condenados injustamente, em 2014, acusados falsamente de incendiar uma das igrejas mais antigas da África, na comunidade rural de Gulema Iyesus. Tibebu Mekuria, Dawit Jemberu e Belete Tilahun foram presos, mesmo com testemunhas afirmando que eles não estavam presentes quando o incêndio começou.
O juiz havia sentenciado cada um a nove anos de prisão, mas a Suprema Corte decidiu absolvê-los esse ano. Porém, além da sentença, eles teriam que pagar uma multa de cerca de 57 mil dólares. Belete estava preocupado, pois é o único casado e tem 3 filhos. Assim, corria o risco de perder sua casa.
Mas, nesta semana, o Tribunal cancelou a posse do governo sobre a propriedade de Belete e também da sua conta bancária. "Os três cristãos estão aliviados e felizes por esse resultado. Eles agradecem a todos os que oraram por eles. Realmente, temos muito o que agradecer, pois o Senhor ouviu as nossas orações", disse uma fonte que não pode ser identificada por motivos de segurança.
Fonte:www.portasabertas.org.br

Apoio