Polícia ameaça multar cristãos que insistem em adorar a Jesus publicamente, na Índia

quinta-feira, junho 30, 2016

A decisão da polícia surgiu após um caso chocante no qual 25 cristãos foram ameaçados de morte por extremistas hindus e seis deles ficaram gravemente feridos, após uma sequência de espancamentos.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO MORNING STAR NEWS

Manifestantes realizam protesto pela liberdade religiosa na Índia. (Foto: Reuters)
Manifestantes realizam protesto pela liberdade religiosa na Índia. (Foto: Reuters)
Um mês depois de uma multidão de hindus da vila no estado de Jharkhand, Índia ter reunido 25 cristãos, amarrado seis deles e tê-los agredidos com pedaços de pau, alguns desses extremistas procuraram um dos cristãos e perguntaram se ele ainda estava adorando a Jesus Cristo.

Os extremistas hindus da vila Hunter, no Distrito de Palamu confrontaram o cristão Gunni Bhuiya no dia 14 de junho próximo a uma estrada. Bhuiya lhes disse que ainda acreditava e adorava a Jesus Cristo, então os extremistas hindus voltaram a maltratá-lo e o ameaçaram de morte, segundo relatos de líderes cristãos da região.

"Eles disseram a Bhuiya que, como os cristãos ainda estão adorando a Cristo, mesmo depois de terem sido espancados, agora poderiam ser mortos", disse o pastor Sanjay Kumar Ravi à agência internacional de notícias sobre a igreja perseguida, 'Morning Star News'.

Os cristãos da área estão vivendo com medo, enquanto os extremistas hindus os proíbem de adorar a Jesus, os boicotam economicamente e ameaçam matá-los. Como se não bastasse isso, a polícia ameaçou multar os cristãos se eles continuaram adorando publicamente a Jesus.

Crianças seguram cartazes durante manifestação em favor da liberdade religiosa na Índia. (Foto: Reuters)
Agressão
No dia 8 de maio, extremistas hindus liderados por Dilip Chandra, Ram Chandra Vanshi e Dil Narayan Yadav convocaram 25 cristãos de seis famílias para uma "reunião pública", forçando-os a entrarem em veículos e levando-os para uma escola, nos arredores da aldeia.

"Cerca de 100 pessoas de três aldeias vizinhas estavam à espera, quando chegamos ao local. Então começaram a nos dizer que estamos errando se continuarmos a orar a Jesus, que devemos seguir o hinduísmo e realizar a puja (rituais hindus) apenas aos ídolos", disse o Pastor Ravi.

Os cristãos se recusaram a aceitar a imposição dos extremistas hindus. Em vez disso, o pastor Ravi começou a compartilhar seu testemunho com a multidão, dizendo que Cristo o tinha curado de uma doença em 2007 e que ele tornou-se um seguidor de Jesus desde então.

"O testemunho do pastor enfureceu o público ainda mais", disse o Rev. Akash Nandi ao Morning Star News. "Então os extremistas começaram a espancar o pastor Ravi e outros cinco homens cristãos, enquanto gritavam que eles deveriam renunciar a Cristo ou então seriam mortos".

Quando os cristãos se recusaram a renunciar sua fé, os extremistas hindus furiosos ameaçou matar e enterrá-los.

"Eles gritavam uns com os outros para trazer querosene para que eles pudessem nos queimar", disse Pastor Ravi.

Nandi disse que os cristãos insistiam: "Façam o que quiser, não vamos deixar Cristo por nada".

Os extremistas, em seguida, amarraram as mãos e as pernas de seis homens cristãos e chutaram, bateram e os espancaram com pedaços de paus, disseram os líderes. Os agressores então os penduraram de cabeça para baixo e continuaram a espancá-los.

Como o abuso continuou por cerca de meia hora, o pequeno Eraj Ram, de 5 anos de idade, pediu aos agressores que parassem de bater em seu pai, Naresh Ram.

"Ele cruzou as mãos e pediu-lhes para parar de bater seu pai, no entanto, os extremistas o pegaram pelo colarinho e o jogaram de lado", disse o pastor Ravi.

Gritando que eles não devem adorar a Cristo mais, os extremistas, em seguida, derrubaram os homens cristãos no chão e os pisotearam, segundo relatos dos pastores.

Todos os homens agredidos estavam sangrando pela boca, as mãos de Naresh Ram foram quebradas e o pastor Ravi sofreu uma lesão interna que o deixou com dor intensa no peito, juntamente com cortes nas mãos e escoriações em grande parte do seu corpo.

Os agressores ordenaram aos cristãos que deixassem a vila ou então seriam queimados vivos e teriam suas casas destruídas.
Os cristãos conseguiram voltar para suas casas e deixaram a aldeia na madrugada do dia seguinte. Na aldeia de Ramgarh, tiveram suas feridas tratadas por um médico local.


Polícia

Mais tarde naquela manhã, os cristãos foram para delegacia de Ramgarh, relatar o ataque à polícia, mas os policiais se recusaram a registrar o caso e somente no dia 10 de junho chamaram os agressores à delegacia.
Cerca de 50 dos hindus apareceram para se encontrar com três líderes cristãos da área. A polícia forçou os cristãos a assinarem uma declaração de que eles iriam adorar a Jesus somente em suas casas, ou então serão multados em 10.000 rúpias (150 dólares), juntamente com outras punições possíveis.
"Fomos forçados a assinar o vínculo, não temos outra escolha, pois já não outro lugar para ficarmos, exceto nessa aldeia", disse Pastor Ravi.

"Nós só podemos orar em nossas casas, com nossas respectivas famílias, os nossos movimentos são acompanhados de perto e os extremistas nos disseram para abandonar a Cristo, ameaçando nos espancar em todas as oportunidades que tivessem", disse o pastor Ravi.

Pais se emocionam ao encontrar carta escrita pela filha antes de morrer, falando sobre Jesus

quarta-feira, junho 29, 2016

Taylor Smith, de 12 anos, escreveu uma carta direcionada para si mesma, que seria aberta apenas quando ela completasse 22 anos. No entanto, nove meses depois de escrevê-la, a garota faleceu.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE CHRISTIAN TODAY

Antes de morrer, Taylor Smith escreveu uma carta direcionada para si mesma, que seria aberta apenas quando ela completasse 22 anos. (Foto: Reprodução/Facebook)
Antes de morrer, Taylor Smith escreveu uma carta direcionada para si mesma, que seria aberta apenas quando ela completasse 22 anos. (Foto: Reprodução/Facebook)
“Como é seu relacionamento com Deus? Você orou, adorou, leu a Bíblia, ou serviu ao Senhor recentemente?”
Perguntas como essas podem parecer comuns para um cristão nos dias de hoje. Mas foram com essas palavras que Taylor Smith, de 12 anos, escreveu uma carta direcionada para si mesma, e que seria aberta apenas quando ela completasse 22 anos.
No entanto, um trágico acontecimento impediu Taylor de abrir sua própria carta. Nove meses depois de escrevê-la, a garota faleceu. No dia 5 de janeiro de 2014, os pais Tim e Mary Ellen Smith viram a vida de sua filha sendo interrompida por complicações decorrentes de uma pneumonia.
O choque do casal foi ainda maior ao descobrir a carta escrita por sua filha, e ver os planos que seriam lidos apenas em 2023. Por outro lado, as letras de Taylor trouxe alívio à dor dos pais, que puderam ouvir a voz da filha novamente.
Mais tarde, a carta de Taylor foi compartilhada em sua igreja, e depois, pelo mundo. Veja a carta completa:
"Querida Taylor,
Como está a vida? A vida é muito simples agora (10 anos atrás). Eu sei que estou atrasada para você, mas como eu estou escrevendo, então é cedo, né? Parabéns por terminar o colégio. Se você não conseguiu, continue tentando. Obtenha esse título! Você (nós) está na faculdade? Se não, eu entendo. Nós temos um raciocínio muito bom, acima de tudo.
Não se esqueça, hoje é o 11º aniversário de Allana! Sheesh já tem 11 anos? No meu tempo, ela tinha acabado de fazer 1! Porém eu não pude ir a essa festa, porque eu estava em Cranks, no Kentucky, em minha primeira viagem missionária. Eu só estive de volta depois de 6 dias!
Falando nisso, como é seu relacionamento com Deus? Você já orou, adorou, leu a Bíblia, ou serviu ao Senhor recentemente? Se não, vá e faça AGORA! Eu não me importo em que ponto da vida nós estamos agora, faça isso! Ele foi escarnecido, espancado, torturado e crucificado por você! Um homem sem pecado, que nunca cometeu nenhum erro contra você ou qualquer outra pessoa!
Agora, você tem ido em mais viagens missionárias? Você esteve fora do país? Que tal de avião?
O Doctor Who ainda está no ar? Se não, em qual temporada eles terminaram? Você deve assistir a alguns capítulos do Doctor Who! Porém mais tarde, você tem que terminar de ler suas próprias palavras de sabedoria!
Você já tem o seu próprio lugar? Se estiver na faculdade, no que estamos nos formando? Hoje, eu quero ser uma advogada.
Você foi para [o parque] Dollywood recentemente? Neste momento, sua mais nova atração é o Wild Eagle. É tão divertido!
Também acho que vou vender o meu iPad e comprar um iPad mini. Não se esqueça de dizer a seus filhos que nós somos mais velhas que o tablet! Eu também anexei o desenho de um iPad, para que você possa mostrar a eles.
Bem, eu acho que isso é tudo. Mas lembre-se, fazem 10 anos que eu escrevi isso. Coisas aconteceram, boas e ruins. É assim que a vida funciona, e você tem que lidar com ela.
Atenciosamente,
Taylor Smith”

Pastor Cesino Bernardino está em coma; família pede orações

terça-feira, junho 28, 2016


Fundador do Gideões Missionários corre risco de morte.
O pastor Cesino Bernardino, 81 anos, conhecido por ter fundado os Gideões Missionários da Última Hora, é chamado por muitos de “Pai de missões”. Conforme um vídeo postadopelo seu filho Reuel no Facebook o ancião está em coma profundo após ter realizado uma cirurgia. Ele foi desenganado pelos médicos: “De um momento para outro ele poderá entrar em óbito”.
O pastor Reuel Bernardino narrou durante quase meia hora a situação, dizendo acreditar num milagre e pedindo que se faça uma campanha de oração. Ele não escondeu que o estado de saúde do seu pai é muito grave e reúne sérios problemas nos rins e nos pulmões.
Cesino está internado na UTI do hospital Santa Catarina, em Blumenau. Reuel, visivelmente emocionado, pediu oração por sua vida e ressaltou crer que Deus irá intervir. No final do vídeo, outros pastores que estavam na casa da família reafirmaram o compromisso com a intercessão pela vida do “patriarca”.
Vários líderes da Assembleia de Deus usaram as redes sociais para manifestar sua solidariedade e também pedir orações. José Wellington, líder da Convenção Geral das Assembleia de Deus do Brasil, manifestou sua solidariedade pelo Facebook. “Estejamos unidos em oração a família Bernardino neste momento”, escreveu.
O coma já dura mais de 24 horas e até a tarde desta terça (28) o quadro não havia se modificado.
Fonte:www.gospelprime.com.br

Mais de 200 mil pessoas entregaram suas vidas a Jesus em apenas um ano, no Tibete

terça-feira, junho 28, 2016

A avalanche de conversões tem sido marcada também pelas decisões de 62 monges budistas, que entregaram suas vidas a Cristo no ano passado.


FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO CHRISTIAN TODAY

Em um relato mais atualizado, Handley informou que outros 62 monges budistas decidiram fazer o mesmo que seu ex-lama e agora também estão seguindo a Cristo. (Foto: Zimbio)
Em um relato mais atualizado, Handley informou que outros 62 monges budistas decidiram fazer o mesmo que seu ex-lama e agora também estão seguindo a Cristo. (Foto: Zimbio)
Algo sobrenatural está acontecendo no Tibete, uma região da China, considerada como a mais alta do mundo e a casa do Monte Everest, a maior montanha da terra que está cerca de 9 mil metros acima do nível do mar.
Os tibetanos são em sua maioria, budistas, mas há também alguns muçulmanos e cristãos, de acordo com relatórios.
No ano passado, um sacerdote budista tibetano decidiu entregar sua vida a Jesus Cristo e tornou-se pastor, depois de ver o amor de Cristo, demonstrado por um grupo de missionários, que ajudaram e forneceram bens de ajuda humanitária para o povo de sua região. O apoio dos missionários chegou ao Tibet em decorrência de um grande terremoto que atingiu a região, de acordo com Joe Handley, presidente da Missão 'Asian Access', uma organização cristã busca espalhar a Palavra de Deus no sul da Ásia.
Agora, a semente do amor de Cristo tem crescido. Em um relato mais atualizado, Handley informou que outros 62 monges budistas decidiram fazer o mesmo que seu ex-lama e agora também estão seguindo a Cristo.
E isso não é tudo. "Só no ano passado, [os líderes da igreja] estão estimando-se que mais de 200.000 pessoas entregaram suas vidas a Cristo, como resultado dos trabalhos da comunidade cristã na região", diz Handley.
Mas o que estaria causando essa avalanche de conversões cristãs?
Handley diz que isso tudo é devido também ao trabalho dos missionário, que levam uma mensagem de esperança e cura para o povo do Tibete, após o terremoto devastador do ano passado.
"Eles não viram budistas, hindus ou outros grupos religiosos ajudando no meio dos escombros. Em vez disso, semana após semana, os seguidores de Jesus que sacrificaram o seu tempo e arriscaram suas próprias vidas para servir, se dispondo a ser as mãos e os pés de Jesus", diz ele.
A 'Asian Access' está desempenhando um papel fundamental neste movimento espiritual, por meio da formação de líderes das igrejas, com o objetivo de estabelecer o crescimento espiritual a longo prazo na região.
"A 'Asian Access' só tem o privilégio de se colocar ao lado de pastores-chave como os que investiram na vida deste sacerdote tibetano", diz Handley. "Investimos profundamente, construindo a sua capacidade para que eles possam alcançar suas comunidades".
"Deus faz coisas incríveis quando você investe nas pessoas. É possível vê-las crescendo mais profundo nEle, crescendo mais forte como líderes, aprendendo a reproduzir outros líderes e depois se espalhando pela região com os esforços de plantação de igrejas, de maneiras notáveis", acrescenta.
A 'Asian Access' está agora pedindo por orações e apoio financeiro dos cristãos em todo o mundo, para que a organização possa alimentar o movimento espiritual no sul da Ásia.

EBF - Escola Bíblica de Férias na Congregação de P.A. Nova Vida

sábado, junho 25, 2016


Hoje realizamos o primeiro dia da nossa segunda EBF com o tema "Bíblia a luz para o meu caminho". Foi maravilhoso vermos as maravilhas de Deus neste dia de estudos e momento de diversão, agradecemos a todos do departamento infantil em Upanema na pessoa de nossa querida irmã Rosemary Sobral. Nosso muito obrigado a todos. E amanhã tem mais...

Mulheres resgatadas pelo amor de Cristo

sexta-feira, junho 24, 2016



Embora pareça não existir saída para elas, muitas mulheres são alcançadas pelos trabalhos de evangelização realizados no país.Imaginar uma menina crescer sem os pais num país como o Paquistão pode causar certo impacto para quem conhece a realidade dessa nação. As mulheres paquistanesas estão destinadas a viver fechadas dentro de suas próprias casas sob as regras do talibã, o regime que é conhecido pelas leis severas que punem as pessoas que não obedecem à sharia (leis religiosas islâmicas). A população feminina é a mais atingida com as imposições da liderança. Elas devem permanecer debaixo da burca, vestimenta que cobre todo o corpo, inclusive a cabeça, com uma única abertura em tela na altura dos olhos. Além disso, são proibidas de trabalhar, estudar, salvo algumas exceções, como médicas e enfermeiras. Não podem usar cosméticos, rir alto, usar salto, praticar esportes, ouvir músicas, assistir filmes e ainda são humilhadas de várias maneiras.

Mas embora pareça não existir saída para elas, algumas são alcançadas pelo amor de Cristo, através dos trabalhos de evangelização realizados no país. A Portas Abertas também está presente no Paquistão através do projeto Ajuda Emergencial para Mulheres da Igreja Perseguida. Num dos centros para mulheres, está Nazneen*, conhecida pela sua doce voz ao cantar salmos para ajudar as mulheres a dormir e a esquecerem de suas dores e más lembranças do passado. Shereen*, que experimentou pela primeira vez o que é ter amor de mãe e um lugar seguro para viver, depois de ter sofrido vários abusos e ter contraído uma doença sexualmente transmissível, testemunhou: “Minha mãe foi tirada de nós quando eu e minhas irmãs ainda éramos pequenas e ficamos à mercê de tios e primos. Nossas tias fingiam não ver nada”. Embora seja um longo processo, cada uma dessas mulheres recebem tratamento específico, inclusive para suas emoções e vida espiritual.

Entre as atividades realizadas durante o dia, elas fazem bonecas, cartões e vários trabalhos artesanais. Durante as reuniões, ouviram falar de Asia Bibi, uma cristã condenada à morte no Paquistão por blasfêmia e que permanece presa para julgamento. “Essa mulher foi tirada de sua família e obrigada a se separar de suas filhas. Aqui nós aprendemos sobre o poder das orações e sinto que devemos orar por elas”, disse Shereen. Roohi*, que também foi acolhida pelo ministério, está longe de seus filhos, mas disse ter aprendido a orar pela restauração de seu casamento e está determinada a não perder sua família. Agora ela acredita que viver o evangelho pode mudar muitas situações. Apesar de viverem sob os olhares preconceituosos de homens muçulmanos e serem rejeitadas pela sociedade, essas mulheres sabem que há esperanças para quem conhece a Cristo, por isso, elas limparam seus corações de toda amargura e agora seguem para uma nova vida. Em suas orações, interceda por elas.

No Brasil
Se você deseja saber mais sobre os ministérios para mulheres da Portas Abertas, conheça o ministério que atua no Brasil, o Mulheres do Caminho e aproveite para participar do 7º aniversário que vai acontecer nesse sábado. 

Leia também
Quando as mulheres dizem "não"
A triste rotina das mulheres cristãs que estão encarceradas no Paquistão
Fonte:www.portasabertas.org.br

Cristão é preso após imprimir materiais evangelísticos na China

quinta-feira, junho 23, 2016

Li Hongmin foi detido por funcionários do Partido Comunista e posteriormente, seus familiares foram enganados pelos oficiais, com relação ao tempo que o cristão ficaria preso. A família acabou pagando uma taxa prisional para a polícia em vão.


FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO CHRISTIAN TODAY

Li Hongmin foi detido por funcionários do governo no dia 6 de junho, em Guangzhou, de acordo com a missão internacional China Aid. (Foto: Reuters)
Li Hongmin foi detido por funcionários do governo no dia 6 de junho, em Guangzhou, de acordo com a missão internacional China Aid. (Foto: Reuters)
Um cristão chinês foi preso depois de ter impresso materiais para a sua igreja doméstica.
Li Hongmin foi detido por funcionários do governo no dia 6 de junho, em Guangzhou, de acordo com a missão internacional China Aid.
Seu telefone e outros pertences foram confiscados e ele foi acusado de atuar em "operações comerciais ilegais" na capital do sul da província de Guangdong, na China.
Enquanto era detido, Li foi avisado que ele teria permissão para voltar para casa depois de duas horas. Mas ele não foi liberado e várias horas depois, policiais retornaram à sua casa e disseram à sua esposa que Li precisava de seu telefone, enganando-a para que ela entregasse o aparelho às autoridades.
A esposa de Li ainda foi obrigada a pagar taxas de detenção depois que ela foi informada que seu marido só ficaria detido por uma semana.
Um cristão local explicou o caso para a 'China Aid': "Esses policiais voltaram para a casa dele e disseram [à sua esposa] que o marido precisava de um telefone celular e foi assim que eles tiveram acesso ao telefone de Li. Depois os oficiais voltaram naquela noite para recolher o restante de suas coisas".
"Eles mentiram e disseram que Li só ficaria detido por sete dias, enganando seus familiares e levando-os a pagar uma taxa ao centro de detenção".
Mais tarde naquela noite, os policiais voltaram e ocuparam a casa pelo resto da noite. A esposa de Li insistiu que os documentos impressos por ele não eram ofensivos.
"Os materiais que impressos não não tinha qualquer ofensa", ela disse ao China Aid. "Eles não se opunham ao Partido Comunista de forma alguma. Pelo contrário, eles ensinavam às pessoas, a importância de ajudar os outros a amar seus compatriotas, sua casa e seu país".
A prisão é parte de uma ofensiva mais ampla contra os cristãos por parte dos autoridades chinesas. Recentemente, cristãos foram obrigados a abandonar as reuniões de oração em Handen, no início de junho depois que a polícia alegou que eles não tinham permissão para realizar encontros.

Terrorista se infiltra em igreja como espião e se converte: “Este é o verdadeiro Deus”

quarta-feira, junho 22, 2016

Certo dia, o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) enviou um espião para a igreja do pastor Thomas, na Turquia. Ao contrário do planejado, a visita conduziu o jihadista a tomar uma decisão que mudaria sua vida: a de se entregar a Jesus Cristo.


FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE CBN NEWS

Chegando na igreja do pastor Thomas, a fim de cumprir uma missão dada pelo grupo terrorista, Mohammed entrou em conflitos internos. (Foto: Reprodução)
Chegando na igreja do pastor Thomas, a fim de cumprir uma missão dada pelo grupo terrorista, Mohammed entrou em conflitos internos. (Foto: Reprodução)
Há alguns anos, o pastor Ghassan Thomas deixou a cidade de Bagdá, no Iraque, depois de receber ameaças de islamitas contra ele e sua família. Desde então, uma nova igreja foi construída na Turquia para ajudar refugiados, assim como eles eram.
"Eu era um refugiado e podia me colocar no lugar deles. Eu os entendia", disse Thomas ao site CBN News.
Certo dia, o grupo terrorista Estado Islâmico (EI) enviou um espião para a igreja do pastor Thomas. Ao contrário do planejado, a visita conduziu o jihadista a tomar uma decisão que mudaria sua vida: a de se entregar a Jesus Cristo.
Desde então, o pastor Thomas passou a aprender um pouco mais sobre o EI. Depois que o grupo atacou uma família dentro de sua própria casa, Mohammed (nome fictício do militante) queria voltar para matar qualquer sobrevivente.
"Naquele tempo, eu pensava desta forma: eu deveria matar. Eu deveria fazer muitas coisas sangrentas apenas para estar mais perto de Alá", disse ele.
Mohammed conta que é a sede de sangue que motiva o Estado Islâmico. "Se você não é muçulmano, você precisa ser muçulmano ou então devemos te matar e tomar tudo o que é seu — dinheiro, mulheres e tudo. Está escrito no Alcorão."
Os combates frequentes entre muçulmanos sunitas (pertencentes também ao EI) e xiitas colocaram, muitas vezes, a própria vida de Mohammed em perigo. Pensando em sua segurança, sua família pediu para que o jihadista fugisse para a Turquia.
Conversão
Chegando na igreja do pastor Thomas, a fim de cumprir uma missão dada pelo grupo terrorista, Mohammed entrou em conflitos internos.
"Eu vi as pessoas, como eles me receberam mesmo sem me conhecer. Eu odeio essas pessoas e elas me mostram o amor", lembra Mohammed, que recebeu uma oração que mudou sua vida.
"Quando eles oraram por mim, eu comecei a chorar como uma criança. Eu senti como se algo muito pesado tivesse saído do meu corpo", disse ele. "Quando o culto terminou, fui para casa, mas havia uma pessoa andando comigo, e eu sentia que não estava na terra. Eu disse: 'Eu estou voando? Eu sinto que não estou andando. É como se alguém me levasse'", relembra.
Depois dessa experiência, Mohammed começou a estudar a Bíblia e compará-la com o Alcorão. "Eu descobriu que este é o Deus que eu estava tentando encontrar. Este é o verdadeiro Deus. Isso é o que eu quero para a minha vida", disse ele.
Segundo o pastor Thomas, a mudança no coração de Mohammed mostra o quanto a igreja precisa enviar mais missionários para a Europa. "Precisamos de mais pessoas vindo e servindo a Deus na Europa com os refugiados, para fazer o contrário do que o EI faz", disse ele.

Jesus tem se revelado de forma sobrenatural para a Igreja Perseguida, diz pesquisador

quarta-feira, junho 22, 2016

Em seu novo livro "UnAnswered", o pastor e estudioso do Novo Testamento, Jeremiah Johnston traz relatos de muçulmanos que têm tido visões de Jesus Cristo e também de como Deus tem agido poderosamente em meio à igreja perseguida, na China.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO CHRISTIAN POST
Jeremiah Johnson é pastor, pesquisador e está lançando o seu livro "Unanswered" (Foto: christianthinkers)
Jeremiah Johnson é pastor, pesquisador e está lançando o seu livro "Unanswered" (Foto: christianthinkers)
Não teria sido incrível testemunhar um milagre como Moisés abrindo o Mar Vermelho, estar em meio à multidão dos milhares alimentados por Cristo à partir de apenas dois peixes e cinco pães ou ter experimentado algum outro milagre semelhante? Onde estão os milagres de cair o queixo nos dias de hoje? Seriam as maravilhas épicas, apenas uma coisa do passado?
Em seu recente livro "UnAnswered" ("Sem Resposta"), um volume que teve seis anos de produção e pretende lançar luz sobre temas que têm sido esquecidos por muitas igrejas dos dias atuais, o pastor e estudioso do Novo Testamento, Jeremiah Johnston assegura que, mesmo nos tempos modernos, Deus ainda se move claramente, quando se trata de milagres.
Na verdade, Johnston tem reunido relatos de que Jesus está fazendo aparições milagrosas para os muçulmanos em diversas partes do mundo.
"Jesus está aparecendo para os muçulmanos no Oriente Médio e em todo o mundo", disse o autor ao 'Christian Post'.
O estudioso da Bíblia que escreveu um livro - ainda a ser publicado - sobre o grupo terrorista Estado Islâmico, admitiu "que faz com que alguns crentes sintam-se desconfortáveis".
"Você sabe, é Jesus aparecendo para alguém", explicou. "Eu tento lembrá-los: 'você já leu o Capítulo 9 de Atos, recentemente? Para quem Jesus apareceu, enquanto esta pessoa estava na estrada para Damasco? Saulo de Tarso. Nós não precisamos colocar Deus em uma caixa. Acredite em mim, Deus pode operar para muito além de nós".
O escritor explicou que os milagres têm se apresentado de formas variadas, mas isso não tira a validade desses fatos que envolvem o sobrenatural de Deus.
"Embora muitos dos milagres de hoje possam não se desdobrar exatamente da mesma maneira ou ter a mesma aparência que que tinham quando Jesus andou como homem pela terra, as histórias milagrosas de triunfo e perseverança dos seguidores de Cristo estão acontecendo como nunca antes, especialmente dentro da Igreja perseguida", diz Johnston

China
O pastor não está totalmente surpreso pelo mover milagroso de Deus dentro de igrejas perseguidas, recordando uma visita à China, onde se encontrou com um missionário cristão. O missionário e algumas igrejas cristãs filiadas praticavam a sua fé naquele país, onde as igrejas são perseguidas, como acontecia no livro de Atos. Na China comunista, muitos cristãos precisam se reunir em igrejas subtarrâneas, se não quiserem morrer.
"Eu estive na China recentemente com um missionário que tem mais de 5.000 [outros] missionários em sua igreja subterrânea. Ele olhou para mim e disse - para mim e para minha esposa: 'Jeremiah e Audrey, tudo que lemos no livro de Atos está acontecendo na China agora. O Espírito de Deus está trabalhando poderosamente. Tudo o que lemos no livro de Atos, Deus está fazendo hoje", disse ele.
Há uma razão pela qual muitas igrejas chinesas tiveram de funcionar na clandestinidade, tornando-se subterrâneas: Muitos tornaram-se alvos do regime comunista do país.
Dentro província Zhejing da China, por exemplo, o Partido Comunista Chinês visa suprimir o crescimento da religião organizada.
Como resultado, o Partido Comunista lançou uma campanha para remover as cruzes dos templos de igrejas protestantes e católicas em toda a província, citando que eles estão violando as restrições para construções, previstas em lei.
Na China comunista, muitos cristãos precisam se reunir em igrejas clandestinas, se não quiserem morrer. (Foto: BeliefNet)

Perseguição e crescimento do Evangelho
Em um ano e meio, o governo removeu mais de 1.200 cruzes, para o desespero da grande população cristã do país, que é formada por mais de 67 milhões de pessoas, como documentado pela instituto de pesquisa 'Pew Center'.
De 67 milhões de cristãos do país, a Pew estima que a China tenha 10 milhões de católicos, metade dos quais pertencem à 'Associação Patriótica Católica Chinesa', sancionada pelo Estado. Milhões de católicos também frequantam igrejas secretas.
Já os protestantes, como a igreja 'Three-Self-Patriotic' - que é aprovada pelo governo - somam mais 23 milhões de pessoas, enquanto 35 milhões de protestantes não registradas exercem suas crenças clandestinamente.
Enquanto igrejas perseguidas em todo o mundo parecem estar cheias do Espírito de Deus, Johnston sente que a igreja ocidental está "dormindo ao volante".
"Este fôlego fora de forma da igreja do Ocidente nos deixa em dúvida se queremos compartilhar de fato a Palavra de Deus. Não me surpreende que Deus não trabalhe tão poderosamente em uma igreja que está adormecida e simplesmente segue no embalo. Precisamos que nossa Igreja seja despertada e precisamos ter uma fé, um pensamento que nos desperte, nos permitindo ver Deus fazendo milagres e confiar nEle para fazer isso".
Pastor Johnston está confiante de que Deus ainda está operando milagres, poderosamente. Os cristãos simplesmente precisam abrir os olhos, diz ele.
"Não há dúvida que existem milagres ao nosso redor", disse o pastor e pesquisador ao Christian Post. "Às vezes, porém, parece que estamos com as nossas cabeças enfiadas na areia - nós apenas não vemos e não damos glórias a Deus por essas vidas".

Menino curado do câncer ‘prega’ em escola e mais de 150 estudantes aceitam Jesus

quarta-feira, junho 22, 2016

Segundo relatos do casal Ralph e Elizabeth Pyszkowski, o avivamento na Virgínia Ocidental (EUA) tem refletido uma intensa mudança nas pessoas, principalmente entre os jovens.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE GOD REPORTS

Mais de 150 estudantes foram salvos em apenas uma escola. (Foto: Meghan Hayman/The Campus)
Mais de 150 estudantes foram salvos em apenas uma escola. (Foto: Meghan Hayman/The Campus)
As pequenas cidades que rodeiam a região montanhosa da Virgínia Ocidental, nos Estados Unidos, tem experimentado um avivamento que trouxe cerca de 4 mil pessoas para Jesus Cristo dentro de oito semanas.
Segundo o casal Ralph e Elizabeth Pyszkowski, atuantes na Regional Church of God em Williamson, o mover de Deus tem refletido uma intensa mudança nas pessoas, principalmente entre os jovens.
"No colégio Logan County Schools, um jovem sobrevivente do câncer foi conduzido pelo Espírito Santo a pregar aos colegas no corredor do prédio. O corredor ficou lotado de estudantes que ouviram a mensagem, e alguns até mesmo tomaram a decisão de seguir a Cristo", relataram ao jornal Williamson Daily News.
"Mais de 150 estudantes foram salvos em apenas uma escola. Parece haver um movimento generalizado no sul da Virgínia Ocidental, e até mesmo em algumas escolas de Kentucky. Isso só pode significar que Deus ainda responde às orações e tem um plano para a nossa região", disseram.
O casal relaciona a atuação de Deus ao trecho de 2 Crônicas 7:14, que diz: “se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar e orar, buscar a minha face e se afastar dos seus maus caminhos, dos céus o ouvirei, perdoarei o seu pecado e curarei a sua terra.”
"O verdadeiro avivamento acontece quando viciados jogam fora suas parafernálias. É quando as igrejas param de competir e começam a trabalhar juntas para construir o Reino do Céu. Mais importante ainda, é quando uma alma perdida encontra sua finalidade em um Deus onipotente e amoroso. Se você quiser ver o mover de Deus em sua vida e em vizinhança, siga as etapas de 2 Crônicas”, disseram.
"O maior milagre que uma pessoa pode receber é o de entregar seu coração a Jesus Cristo. Não importa se o movimento vem através dos presbiterianos, batistas, ou dos pentecostais, todos concordamos que precisamos de Deus em nossa região”, afirmou o casal Pyszkowski.
Avivamento na Virgínia Ocidental
Segundo o mineiro de carvão Bo Copley, o número de pessoas salvas excede a população das duas pequenas cidades que estão no epicentro do avivamento. "A população de Delbarton é formada por cerca de 500 habitantes e Williamson tem cerca de 3 mil, de modo que em oito semanas, os dois locais viram mais pessoas salvas do que formando a população das duas cidades", disse ele.
A razão disso é a participação de pessoas de municípios vizinhos nos encontros das cidades. Alguns moradores da área estão adiantando suas férias para fazer parte do que Deus está fazendo.
O evangelista Matt Hartley, que foi o instrumento de Deus para o despertamento, está em pausa para descanso. "Ele estava exausto", disse Sonya Hackney, da Regional Church of God. "Ninguém imaginou que ao agendar ele por três dias, ele ficaria aqui por oito semanas."

MUH ( Missionários da Última Hora) Evangeliza uma semana no Sítio Bom Jesus de Campo Grande/RN - Evangelismo de mãos dadas.

segunda-feira, junho 20, 2016


A igreja evangélica Assembleia de Deus de Upanema/RN Através da secretaria de Missões SEMADUP e o Departamento de Evangelismo, enviou nos dias 13 a 18/06/16, (uma semana) uma equipe de Missionários locais para desenvolverem o projeto de evangelismo "mãos dadas" na Comunidade de Bom Jesus município de Campo grande. Os irmãos Isaías Mendonça (aux. De trabalho), Josuel Carvalho (aux. de trabalho), Joaquim Silva (aux. de trabalho), Bruno Garcia (cantor) estiveram cooperando com o pastor da comunidade, Ernani Fernandes Pimenta. 
O trabalho foi desenvolvido com evangelismo pessoal, visita e oração aos enfermos e cultos públicos todas as noites na localidade e em dois outros sítios do Distrito.
Ao final obteve-se a colheita a conversão de 5 pessoas adultas e 6 crianças. O poder de Deus foi manifestado em cada trabalho e o Reino propagado aos mais de 600 habitantes dali. No encerramento, no dia 18 foi realizada uma grande cruzada onde uma grande multidão ouviu a palavra ministrada pelo Pb. Givanilson Gonçalves e Deus salvou e falou profundamente aos corações ali.
E assim o Ide do mestre continua sendo cumprido pela sua igreja.

Igreja é vista como uma “pedra no caminho”

sexta-feira, junho 17, 2016


Quando os traficantes chegam, há confisco ilegal de propriedades dos cristãos, corte no sistema de água e esgoto e até violência física.
O México, país que fica na América do Norte, ocupando a 40ª posição na atual Classificação da Perseguição Religiosa, tem em seu histórico o crescimento do crime organizado e o aumento no número de incidentes violentos contra cristãos. Além disso, no ano de 2014, foram encontrados restos humanos de 117 pessoas em uma vala comum feita pelas autoridades mexicanas, na cidade de Tetelcingo, que fica no estado de Morelos. Entre as identificações, além dos adultos, havia várias crianças, o que indica que há irregularidades na justiça da região. As autoridades não mencionaram quantos eram vítimas de crimes.
Na última década as estatísticas mostraram que cerca de 28 mil pessoas desapareceram e as justificativas estão relacionadas à violência que ocorre no mundo das drogas, principalmente pelas disputas de controle territorial entre os cartéis.
Os cristãos são frequentemente perseguidos porque a igreja é vista como uma pedra no caminho dos traficantes, principalmente por causa dos programas de reabilitação de drogados. Quando os traficantes chegam, há confisco ilegal de propriedades cristãs, corte no sistema de água e esgoto, violência física e privação de serviços de saúde. Até mesmo terras de cultivo são confiscadas e, para piorar a situação, autoridades de algumas aldeias proíbem até mesmo transações econômicas com cristãos. Em algumas localidades, quem se declara cristão não tem o direito de enterrar os corpos de seus parentes em cemitérios oficiais, tendo que pedir intervenção das autoridades para ajudar a encontrar outro lugar de sepultamento. Como nos tempos bíblicos, há muitos cristãos fugindo para as montanhas, caminhando horas em busca de um abrigo.
Em suas orações, interceda pela igreja no México.

Fonte:www.portasabertas.org.br

Pastor batiza quase 300 pessoas em área hostil do México

quinta-feira, junho 16, 2016

O líder espiritual está entre os 170 pastores distritais do México e da Jamaica que batizaram coletivamente 20.920 pessoas em 2015.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO SITE NOTÍCIAS ADVENTISTAS

Pineda afirma que 42 pessoas se uniram à igreja apenas como resultado dos programas. (Foto: ASN)
Pineda afirma que 42 pessoas se uniram à igreja apenas como resultado dos programas. (Foto: ASN)
O pastor Johan Pineda batizou 296 pessoas em 2015. Esse número é maior do que de qualquer outro pastor distrital adventista do sétimo dia na Jamaica, no México e na América Central. Com 31 anos, ele supervisiona 26 igrejas e 10 pequenas congregações ou grupos, em Ocosingo, Chiapas, uma das regiões do México mais intolerantes religiosamente.
Para compartilhar o evangelho de forma ativa, Pineda acredita que o trabalho missionário é uma questão de encorajar mais de 1.100 membros sob seus cuidados de forma criativa. “Deus abriu o caminho para chegar a estas áreas onde a perseguição e até assassinatos ocorreram no passado por causa da intolerância religiosa”, explica ele.
O líder espiritual está entre os 170 pastores distritais do México e da Jamaica que batizaram coletivamente 20.920 pessoas em 2015 e foram homenageados durante uma conferência em Riviera Maya, que lançou a iniciativa evangelística “Senhor, Transforma-me” da Divisão Interamericana, sede administrativa da Igreja para a América Central.
Propósito
O objetivo é encorajar os líderes e membros a buscar uma transformação espiritual em Jesus por meio do estudo diário da Bíblia, da oração e de compartilhar Jesus ativamente com os vizinhos.
De acordo com o pastor, a iniciativa, que complementa o “Envolvimento Total de Membros”, programa da Igreja mundial, confirma um caminho que tem perseguido em seu distrito durante os últimos oito anos. “Este aspecto de uma transformação em Jesus é importante para nos guiar como líderes e outros a aceitar o desafio de compartilhar o evangelho”, destaca.
Entenda o Projeto
O plano de evangelismo consiste em duas partes. A primeira é treinar os membros para usar seus talentos. A segunda é mover-se em conjunto com seus anciãos da igreja na implementação de estratégias de evangelismo anuais, garantindo que os membros atuais e os novos aprendam as doutrinas, além de integrar todos os ministérios e departamentos da igreja local para se concentrar em um objetivo: preparar as pessoas para a vida eterna.
Um bom avanço é que seu distrito de igrejas inclui congregações que falam diversos dialetos e várias pessoas que se converteram de outras religiões. Só neste ano, 95 antenas de TV foram instaladas em todas as congregações que ele pastoreia, bem como em várias empresas, residências, para que as pessoas possam assistir às transmissões da Esperanza TV e da 3ABN Latino do Hope Channel diariamente.
Engajamento
Pineda afirma que 42 pessoas se uniram à igreja apenas como resultado dos programas. Seu objetivo geral é atingir 400 pessoas com o evangelho neste ano, e até agora ele batizou 216 novos crentes desde janeiro.
“A chave para o sucesso no meu distrito tem sido procurar um relacionamento diário com Cristo, trabalhar duro na condução de um plano de evangelismo, liderar pelo exemplo e conseguir envolver os membros em compartilhar Jesus”, conta.

Em duas semanas, 26 crianças aceitam Jesus no interior de Pernambuco

quarta-feira, junho 15, 2016

O casal missionário Pr. Rafael Lucchiari e sua esposa Joselina são os que atuam na cidade pernambucana. O trabalho é desenvolvido em quatro frentes missionarias.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DO SITE MISSÕES NACIONAIS

O fato aconteceu por meio do Projeto Sertão. (Foto: Reprodução).
O fato aconteceu por meio do Projeto Sertão. (Foto: Reprodução).
Em apenas duas semanas, 26 crianças aceitaram a Cristo como salvador e senhor de suas vidas. O fato aconteceu por meio do Projeto Sertão que avança no interior de Petrolina (PE). De acordo com o site, os pequeninos “são os mais sensíveis à pregação da Palavra de Deus”.
O casal missionário Pr. Rafael Lucchiari e sua esposa Joselina são os que atuam na cidade pernambucana. O trabalho é desenvolvido em quatro frentes missionarias, com um alcance total de 23 comunidades na Bahia e Pernambuco na região do Vale do São Francisco.
“Apresentamos o filme Jesus e oito crianças deram seus primeiros passos na fé e receberam a Cristo como Salvador. Há um mover de Deus nessa região”, relata o missionário que tem achado nas crianças o coração perfeito para plantar a semente do evangelho.
No último domingo (12), o Instituto Água Viva, parceiro do Projeto Sertão, realizou uma surpresa especial para as crianças. Eles receberam uma doação de baleiros com doces da fábrica FINI e foram doados para o missionário distribuir as guloseimas nas comunidades por onde passa.
“Todas as crianças ganharam. Foi uma manhã alegre, com distribuição dos presentes doados no Acampamento Santa Tereza”, relata Lucchiari. Neste mesmo dia, mais 11 crianças e uma adulto entregaram suas vidas a Cristo, de acordo com o site.
Sertão do Ceará
Saindo de Pernambuco e indo para o Ceará, o Portal Guiame noticiou recentemente que alunos doCentro de Treinamento Ministerial Diante do Trono (CTMDT) farão uma temporada missionária em Juazeiro do Norte, que fica localizado na região do Cariri.
De acordo com os integrantes do projeto, a localidade vive uma forte influência de idolatria. Juazeiro do Norte é um município brasileiro do estado do Ceará, distante 491 km da capital, Fortaleza. Sua população é de 266.022 habitantes, segundo a estimativa do IBGE, que o torna o terceiro mais populoso do Ceará (depois de Fortaleza e Caucaia), a maior do interior cearense e a 102ª do Brasil.

Morre filho da cantora Eyshila após quadro de meningite

terça-feira, junho 14, 2016

A notícia foi oficializada pela cantora nas redes sociais: "O Senhor deu, o Senhor tomou. Louvado seja o nome do Senhor. Obrigada a todos que nos cobriram com suas orações. Matheus descansou!"

FONTE: GUIAME


Depois de duas semanas de internação, diagnosticado com uma meningite viral, o filho da cantoraEyshila faleceu nesta terça-feira (14), no Rio de Janeiro.
A notícia foi oficializada pela própria cantora nas redes sociais. "O Senhor deu, o Senhor tomou. Louvado seja o nome do Senhor. Obrigada a todos que nos cobriram com suas orações. Matheus descansou! Essa foi a última foto que batemos antes da cirurgia. Ele está com o Senhor!", disse ela aos seguidores.
"Não cabe a nós questionar. Deus é soberano e nós vamos seguir adorando e servindo a esse Deus perfeito em sua soberana vontade. Ele sabe o que faz! Salmos 116:15 - Preciosa é à vista do SENHOR a morte dos seus santos", acrescentou Eyshila na publicação do falecimento do filho.
Matheus Oliveira, de 17 anos, foi internado no dia 1º no Hospital Samaritano. Desde o início, seu quadro médico não foi divulgado detalhadamente, mas mensagens da família sugeriam que ele estivesse em coma.
“Os médicos falaram para a família, que eles não conseguiram realizar a cirurgia. Após ver a gravidade, resolveram interromper a cirurgia. Neste momento está sendo feitos alguns exames; só após esses exames podem declarar morte cerebral. Continuemos em oração pelo Matheus”, informou o pastor Silmar Coelho, no dia seguinte após a internação.
Um pouco antes de a morte ser divulgada pela cantora, seu pai, o pastor Antônio Oliveira Neto, já havia informado o laudo médico. "Meus amados irmãos, o Matheus acabou de passar para o Senhor. Deus deu, Deus tomou! Louvado seja o nome do Senhor!"
O Portal Guiame lamenta o falecimento e deseja que o Espírito Santo conforte toda a família.

Muçulmana se converte ao ter uma visão de Jesus, na Líbia: “Ele brilhava como a luz”

segunda-feira, junho 13, 2016

Maizah fugiu de sua casa, na Líbia, depois que sua família descobriu sua nova fé. No entanto, ela tem sido conduzida pela certeza da presença de Jesus Cristo em sua vida.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE CHRISTIAN TODAY

Em locais de intensa perseguição religiosa, Jesus Cristo se revela em experiências sobrenaturais. (Foto: Reprodução)
Em locais de intensa perseguição religiosa, Jesus Cristo se revela em experiências sobrenaturais. (Foto: Reprodução)
São nos locais de intensa perseguição religiosa que Jesus Cristo se revela em experiências sobrenaturais e íntimas. Uma delas aconteceu com Maizah — uma jovem que, depois de se converter ao sonhar com Cristo, teve de fugir de casa, na Líbia.
Maizah cresceu frequentando diferentes mesquitas, em sua busca de conhecer a Deus. Em um momento de sua vida, ela escolheu viver sem religião, até que se deparou com uma intensa experiência com Jesus Cristo.
"Eu senti alguém tocar os meus pés", disse ela. "O quarto estava escuro mas, de repente, havia um homem que brilhava como a luz. Ele não parecia irreal, mas eu senti que não podia tocá-lo. Ele ficou de pé, ao meu lado. Eu senti a felicidade no meu coração apenas por causa de sua presença. ‘Eu sou o caminho, a verdade e a vida’, ele disse. Em seguida, ele se foi".
Duas semanas depois, a jovem e sua família foram forçadas a fugir da Líbia até o Egito, diante de uma guerra civil. No novo país, Maizah conheceu uma vizinha cristã que ensinou a ela um pouco mais sobre Jesus.
"Esta mulher era realmente honesta comigo. Pedi que ela me falasse sobre Jesus. Suas palavras falaram diretamente ao meu coração eu acreditei nela, eu senti que era verdade. Pedi que ela me mostrasse uma Bíblia, e pela primeira vez eu vi uma”, lembra Maizah.
"Um dia, eu disse a ela sobre o homem que vi no meu quarto. Ela me contou que era Jesus, e me mostrou um versículo da Bíblia na qual ele afirma: ‘Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida’".
Mudanças
Maizah foi batizada no Egito, e quando retornou para a Líbia, passou a se reunir em uma igreja secreta, na casa de uma família cristã. Em 2013, a família foi presa e a polícia passou a procurar pela jovem. Com medo, ela decidiu fugir para o Egito, antes de se mudar para a Turquia.
Tempos depois, Maizah entrou em contato com sua família por telefone, e recebeu a notícia de que sua mãe havia sofrido uma paralisia. Ao saber disso, resolveu retornar para casa. O problema é que a doença era uma mentira.
Chegando em casa, seu irmão a conduziu para um quarto, onde ela foi espancada por um grupo de homens. Mesmo assim, Maizah conta que "estava consciente de que estava sendo protegida, e não sentia dor.”
Depois dessa situação, Maizah foi até a Tunísia para receber atenção médica. Com a ajuda de um médico, ela conseguiu escapar e encontrar refúgio em uma casa segura. De lá, ela viajou para um país ocidental, onde permanece até hoje.

Deus quer que você saiba: Ele planejou a sua vida

domingo, junho 12, 2016

Questionar é da natureza humana, mas as perguntas mudam de acordo com e proporcionalmente à intensidade das tempestades vividas.

FONTE: GUIAME, RINA

Há ocorrências sérias a ponto de mudar nosso humor, roubar nossa paz, nos tornar ásperos.
Há ocorrências sérias a ponto de mudar nosso humor, roubar nossa paz, nos tornar ásperos.
Há circunstâncias que possuem em si, capacidade ímpar de nos abalar. Há ventos que sopram com força suficiente para nos desestruturar e desesperar.
Há ocorrências sérias a ponto de mudar nosso humor, roubar nossa paz, nos tornar ásperos. Questionar é da natureza humana, mas as perguntas mudam de acordo com e proporcionalmente à intensidade das tempestades vividas.
Vamos desde: "Que ônibus errado eu peguei para chegar nesse ponto da minha vida?" Até: "por que eu nasci?".
Isso é muito sério, porque muitas pessoas olham para o que vem ao redor, e se perguntam porque Deus as criou; duvidando de seu valor, desenvolvendo um senso crítico deformado, construindo uma imagem negativa sobre si mesmas.
Vão proferindo palavras de maldição sobre suas próprias vidas: "eu sou um fracasso, nunca vou conseguir, sou um lixo."
Independente de como você se sinta hoje, Deus quer que saiba que Ele planejou sua vida. Somos especiais para Ele, somos valiosos e importantes. O amor de Deus não diminui, o prazo de validade desse amor é eterno."

CURSO PARA LÍDERES DO MINISTÉRIO INFANTIL

sábado, junho 11, 2016



O Departamento infantil da igreja evangélica Assembléia de Deus realizou no dia 11/06/16 o quarto encontro de formação para professores e lidetes do ministério infantil. Neste módulo foi estudo o evangelismo de crianças e as estratégias para alcançar os corações dos pequeninos. A ministração ficou a cargo da irmã Clara Carvalho e mais uma vez Deus se fez presente e falou aos corações de educadores de crianças sobre a necessidade e urgência de evangelizar e cuidar dos cordeirinhos.

Eyshila agradece por corrente de oração pelo filho Matheus: "Vencemos mais um dia"

sexta-feira, junho 10, 2016

Usando a hashtag '#‎voltamatheus', uma grande corrente de oração se formou também nas mídias sociais, onde milhões de internautas enviaram mensagens de apoio à família da cantora e declararam ter fé na cura de Matheus.

FONTE: GUIAME

Eyshila tem expressado sua gratidão pela corrente de oração que amigos e internautas têm mobilizado em favor de seu filho, Matheus. (Foto: Facebook)
Eyshila tem expressado sua gratidão pela corrente de oração que amigos e internautas têm mobilizado em favor de seu filho, Matheus. (Foto: Facebook)
Na madrugada desta quarta-feira, a página de um fã-clube da cantora Eyshila publicou um áudio, enviado via Whatsapp pela cantora, no qual ela expressa sua gratidão pela gigantesca corrente de oração que se formou, devido ao grave estado de saúde, de seu filho, o jovem Matheus Oliveira, de 17 anos.
O rapaz está internado na UTI do Hospital Samaritano (RJ), desde a quarta-feira da semana passada (1º), devido ao diagnóstico de um quadro de meningite viral e seu estado é considerado grave.
A meningite se dá por uma inflamação das meninges - que são as membranas que envolvem o cérebro. Neste caso, a doença pode ser causada por diversos tipos de vírus.
Usando a hashtag '#‎voltamatheus', uma grande corrente de oração se formou também nas mídias sociais, onde milhões de internautas enviaram mensagens de apoio à família da cantora e declararam ter fé na cura de Matheus.

Exército de oração

No áudio, Eyshila destacou que não só a corrente de orações que se formou nas mídias sociais, mas também o apoio de amigos, que têm visitado a família no hospital são resposta de oração.
"Nós oramos aqui para que Deus enviasse as pessoas certas e Deus realmente mandou intercessores, pessoas dispostas a orar, clamar, orar e profetizar vitória", destacou.
Apesar da angústia diante do estado grave de saúde de seu filho, Eyshila afirmou que tem visto a mão de Deus em tudo, mesmo que nem tudo ainda seja compreensível.
"Eu não sei, queridos, o que Deus quer fazer, mas eu sei que Ele é soberano e assim como Ele convocou esse exército para invadir este hospital, Ele também está movendo o Brasil inteiro, unindo pessoas em grupos, que estão orando pelo meu filho. Deus não faz isso à tôa. Ele é Deus de propósitos", disse.

Milagre
A cantora também afirmou que ela, a família, os amigos tem "ficado com o milagre" diante dos diagnósticos médicos.
"Temos um diagnóstico, mas nós ficamos com o milagre. Toda vez que o neurologista vem com uma palavra - ele tem que ser técnico - nós contrariamos essa palavra, pegamos o que ele disse para orar contra isso e declarar que o Senhor é Deus na vida do Matheus e que essa situação vai mudar a qualquer momento", afirmou.
O portal Guiame convida seus leitores / internautas a continuarem em campanha de oração pela recuperação do jovem Matheus.
Confira o áudio completo, clicando abaixo:


Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *